Projeto #2: Mais filmes em 2014

terça-feira, 31 de dezembro de 2013



Oi gente... acredito que esse será o último post do ano, então que Deus nos abençoe nesse finzinho de ano, início do próximo e que nos dê um ano melhor ainda... cheio de realizações, desejos e alegrias... mas estou aqui para contar a vocês sobre outra coisa muiito legal que estou participando.
Para variar eu não posso ver um desafio que ando me enfiando dentro... rsrs e quem sabe não se animam também e participam?!
Esse desafio foi apresentado para mim por meio de uma amiga: A Joyce Souza, do blog Olhar de uma Nerd e do Rosa e Amarelo. Há um grupo no facebook para os participantes.
Esse desafio consiste em que precisamos assistir 52 filmes nas 52 semanas do ano de 2014. Ou seja, um filme para cada semana... não é legal? Então depois de muito pesquisar meu filmow, eu bolei a seguinte lista dos filmes que ainda não assisti para que eu possa desencalhá-los logo...
Todos serão assistidos e resenhados para vocês, prometo... rsrs 
 Aqui está o link da minha lista já pronta no site do Filmow: 52 x 52 2014 - Stephanie

 
 E entãao?? O que acharam das minhas escolhas??
Tem muito Robert Pattison, muito Johnny Deep, muiito romance e muiito drama =)
E agora eu convido: Vamos participar também!! 

The Goddess Test - Aimee Carter


Sinopse: Todas as garotas que foram testadas falharam. Agora é a vez de Kate. Desde sempre, tem sido apenas Kate e sua mãe, e agora sua mãe está morrendo. Seu último desejo? Voltar para o lugar onde ela cresceu. Então Kate começará a frequentar uma nova escola, sem amigos, sem ninguém conhecido por perto, e o medo de que sua mãe não sobreviverá até o fim do outono. Então ela conhece Henry. Sombrio. Torturado. E hipnotizante. Ele se diz ser Hades, o deus do submundo, e se ela aceitar sua proposta, ele manterá sua mãe viva enquanto Kate tenta passar pelos sete testes. Kate tem certeza de que ele é louco, até vê-lo trazer uma garota de volta à vida. Agora parece que salvar sua mãe é insanamente possível. Se ela passar, ela se tornará a futura noiva de Henry, e uma deusa. Se ela falhar…
Link: Skoob / Goodreads
Resenha e Comentários: Mexendo nos meus arquivos, dei de cara com essa capa linda de novo e então pensei: Que tal uma chance? E, afinal essa capa está dos deuses... E... gostei =)
 A mãe de Kate tem uma doença muito séria e está quase morrendo e mesmo assim elas resolvem se mudar para a cidade de sua mãe, mesmo que ela queira estar de volta a Nova York. A pequena cidade em que agora ela vai precisar entrar novamente na escola, conhecer pessoas e fazer amigos chama-se Éden. Quando elas chegam a cidade acontece um "quase" acidente com as duas e ela vê alguém com uma jaqueta preta pelo retrovisor mais não se liga muito nisso.
Na escola ela conhecer James, um garoto que ninguém diz se é bonito, mas gosta de montar coisas com batatas, uma patricinha invocada chamada Ava, seu namorado Dylan, Irene, a secretária e em casa ela deixa sua mãe com Sofia.
Mesmo não tendo qualquer interesse amoroso pela doença de sua mãe já que ela não tem tempo para isso. Cria uma amizade com James, mesmo que eu não entenda muito isso e logo depois Ava a convida para uma festa. Ela aceita e chegando lá descobre a mentira e uma tragédia acontece.
Para salvar a garota, ela encontra novamente o garoto da jaqueta e ele diz que pode salvar sua amiga, mas que ela precisa prometer algo para ele no solstício de inverno. Ela, sem saber o que é, promete.
Ava melhora e durante algumas semanas ela acha que não encontrará Henry novamente. Mas ela encontra e depois descobre que precisa cumprir o mito de Perséfone na casa dele como uma convidada. Lá ela descobre que passará por avaliações e se passar pode se tornar a nova Rainha do Submundo e uma deusa e se não... ela volta para casa sem nenhuma lembrança do que aconteceu, nem de quem conheceu e do que passou.
Gente, se eu fizer isso vou contar a história inteirinha sem tirar nem por, talvez colocando muito mais, já que eu preciso dar minha opinião. háháhá
Na casa ela conhece melhor Henry, ele diz que é o senhor do Submundo, está cansado de lutar desde a morte de Perséfone, já que a amava e ela não o fazia. Depois, quando o prazo está quase se encerrando é que aparece Kate. Ele quase não tem esperanças mais.
Só que Kate faz de tudo para que ele volte a acreditar, para que ele possa sentir algo por ela, que goste dela e que não desista. E, junto com Kate nos deparamos com um senhor do submundo lindo, romântico, fofo, companheiro, com raros sorrisos, que se transforma um pouco quando julga um caso... mas que volta a ser quem é.
Os testes estão acontecendo e não sabemos quais são, Kate fica cada vez mais confusa. Conversa com sua mãe já que ele pode mantê-la viva durante um tempo, mas não salvá-la. E Kate ansia tanto pelas noites em que passa com Henry e pelos sonhos com sua mãe.
O livro não é aqueles livros difíceis de entender, Ava continua sendo uma namoradeira, mas que se transforma em amiga verdadeira de Kate. Isso foi uma das coisas que eu mais gostei, a amizade delas. O crescimento e o início do amor por Henry, até a confissão...
O Julgamento e o desejo de poder ficar com ele, de se tornar uma deusa... mas que precisa ser a deusa que também tenha o coração do senhor do submundo.


Trechos do Livro

"— Você sabia, — ele disse, sua respiração morna na minha bochecha, — que essa é a primeira vez que alguém já me disse que me amava?
Surpresa, eu fiz a única coisa na qual eu podia pensar, eu o beijei de novo. — É melhor você ir se acostumando a ouvir isso mais vezes, porque eu planejo dizer isso há você muito mais." Pg. 238

 * * *

"— Agora que ela se foi, a única coisa que eu tenho sobrando é este lugar, e a única pessoa que ficou é você, — eu disse. — Vai precisar mais do que uma assassina armada de faca para me fazer desistir de você.
Ao invés de discutir comigo, seu rosto se partiu no primeiro sorriso verdadeiro que eu tinha visto desde que eu tinha morrido. — Bom, então o sentimento é mútuo. — Ele ergueu a mão de cartas."

Mil dias em Veneza - Marlena de Blasi

segunda-feira, 30 de dezembro de 2013


Não vou colocar  a sinopse porque ela é enorme e conta o livro praticamente todo e é quase o que escrevi na resenha, ok?! Se quiserem ler a sinopse Entrem nos links dos sites abaixo que voce vai encontrar =)

Resenha e Comentários: Uma chefe de cozinha vai a trabalho a Veneza quando alguém diz que o telefonema é para ela. Um homem pede que ela o encontre e diz quem era e onde se viram. Ela vai e conhece o veneziano com os olhos cor azul mirtilho, Fernando ou como ela gosta de chamá-lo: o estranho.
Por ser uma história real é impressionante visitar cada lugar de Veneza pelos olhos da autora que coloca cada beco, cada comida, cada pessoa e consegue transferir os sons, os aromas, os gostos de Veneza a cada página visitada pelos curiosos olhos.
Ela, divorciada, com dois filhos crescidos, vê-se apaixonada por um veneziano que não conhece direito, o mesmo que passou alguns dias em sua casa e que pediu que fosse embora para Veneza morar com ele. Ele diz que o lugar é simples e depois que ele vai embora de volta a Itália ela se resolve em se aventurar através desse amor. Sim, ela uma mulher de quase meia idade com um homem charmoso que fuma muitos cigarros, mas que ela acha charmoso. Acho legal ela sentindo a falta dele depois que ele se vai. Das meias até o joelho, o roupão e o cigarro.
Ela se desfaz do que tem e embarca ainda com tanta coisa que precisa se desfazer no aeroporto mesmo antes de embarcar. Ela se sentia feliz em fazer essa viagem mesmo que alguns a taxassem de louca, outros que a apoiavam e que teria de ficar longe de seus filhos.
Lá ela descobre a real situação do apartamento, mas não desiste já que não havia ido lá atrás do apartamento e sim de Fernando. Ela tenta se ajeitar como pode, Fernando tem o jeito daquelas pessoas que foram reprimidas a vida inteira, mas que precisava se soltar em algum momento, que as amarras já desgastas precisavam ser tiradas e os dois passam por um processo de mudança e de aceitação, de luta consigo mesmo e com os outros. Como ir para um país estrangeiro que não se domina a língua predominante com poucos americanos que teria contato.
Enquanto Fernando vai para o banco, seu serviço de anos e anos de dedicação, ela vai andar por Veneza, pega os barcos para sair da ilha em que moram e embarcar em Veneza. Ir na feira, conhecer as pessoas, suas peculiaridades e fazer novas amizades em seu novo lar.
Não espere um livro cheio de diálogos, mas sim de impressões, de pensamentos, de dúvidas, como um diário em que se registram os fatos narrados. E é nos pensamentos dela que viajamos por Veneza e conhecemos o lugar como se estivéssemos lá.
O livro é todo muito lindo, o amor a primeira vista já que Fernando havia se apaixonado por um perfil que era o dela e quando a viu um ano mais tarde sabia que precisava se aproximar. Ele é um livro tocante e que mostra que a vida real muitas vezes pode ser uma história muito bonita que deve ser contada, porque é a sua.
Ela pode ter se apaixonado por um italiano e se mudado dentro de quase 6 meses, mas que o amor e a entrega de coração ao que faz é tão importante quanto qualquer outra coisa a se fazer.
 Ah... eu gostei do livro e enquanto o lia lembrei muito de uma amiga minha, Luciana... eu vendo agora umas resenhas vi que algumas pessoas que leram acharam o livro um pouco arrastado. Realmente por ter muitos parágrafos grandes e muita descrição a leitura pode ser um pouco mais densa e talvez por isso eu tenha parado de ler ele no meio da outra vez, mas viver um pouquinho a vida dela foi muito legal e reflexivo.

Meme #5: Top Piriguetagem Literária 2013

domingo, 29 de dezembro de 2013


 Aaah como é bom voltar com esse top!! *_*
E, como vocês já sabem, sou piriguete literária assumidíssima!!! =D
Para quem não lembra o termo e de acordo com a Luciana Mara do blog TOC livros:
"De acordo com o dicionário Aureliânus sofre de piriguetismo literário aquele(a) que troca de paixão platônica fictícia toda semana, e usa a expressão 'é meu' quando descreve algum personagem. Este tipo de piriguete usa ou usará óculos e sente frio (característica principal que a diferencia das outras espécies).
Eu pensei seriamente em trapacear, colocar só os livros que tem resenha no blog, mas não consegui...
 E vamos largar de enrolação e saber quem entrou na minha listinha?!
Tem certeza que não posso ter uns 50 nessa lista??!!
Como eu me apaixonei esse ano!! Aaah se eu te contasse... rsrs
Meninos... Vocês também estão no meu coração! 
(Loren,, Hawke Snow, Shade, Connlan, Eidolon, Wraith, Judd McLaren, Devraj Santos, Alex, Will, Lucas Hunter e Landon Lucas )

E, para o meu top, aqui vão meus escolhidos... =)

10. Maximus Cassani Procura-se um marido
Um definitivo mocinho lindo, cheio de caráter, fofo, gentil e apaixonante... Esse livro me rendeu um Depressão Durante Livro (porque nunca que vai acontecer realmente) e depois uma Depressão Pós Livro já que tinha acabado. Carina Rissi conseguiu criar um verdadeiro príncipe sem cavalo branco...

09. WarnerEstilhaça-me
 Se eu disser que arrastei a leitura desse livro, mas o que me deu forças para terminá-lo foi o vilão mais lindo e apaixonante de todos... Eu contava as páginas para ver o Warner aparecer, meu lindo diretor do distrito e quando li Destrua-me, apaixonei-me mais ainda... =)

08.  Naveen BharaniDe repente, o amor 
O que dizer do indiano mais lindo e cobiçado ultimamente? Naveen me ganhou com sua persistência e como diz minha amiga, sua imaginação e criatividade =) Além de ser determinado e ir atrás do seu grande amor, mesmo que corra o risco de ser rejeitado.

07. Cam Rohan Desejo a Meia Noite
 O cigano Cam Rohan foi uma revelação já que ele aparece no livro das Floreiros e nunca que ia imaginar vê-lo protagonizando uma história própria. Lisa Kleypas consegue trazer toda a magia e fazer-nos apaixonar por esse Rom lindo e encantador.

06. Ethan MacCarrick - Se me traíres
Lutei, lutei, mas desisti. Não posso ficar sem ele. Ethan me ganhou por também ter sofrido muito e quando se apaixona pela Maddy faz de tudo por ela, para ganhá-la. Para recompensar tudo o que ela perdeu e faz tudo com essa intensidade que ele tem. Esse amor me faz amá-lo tanto, tanto...

05. Hayden HothwellAs regras da Sedução
 Hayden é o mocinho que me encantou desde o início. Antes de ler qualquer coisa da Madeline já era suspeita para falar alguma coisa e ele é incrível. Seu jeito, o modo como trata Alexia, sua tia, seus problemas e sua intensa paixão. Sou totalmente apaixonada por Hayden... 

04. Bennet Ryan – Cretino Irresistível
Ahhh sr. Ryan não me faça suspirar... =) Primeiro eu me apaixonei pela capa do livro, pelo sorriso torto do modelo e arrumando o punho do  terno. Eu li esse livro tão rápido que até esqueci de fazer a resenha, mas me apaixonei pelo cretino que ele é. Pelo seu jeito abusado e incrivelmente possessivo. Seus pensamentos confusos e sua intensa determinação. Caí de amores por ele.

03.Iain Terra - Dying Wish
 Como todos sabem eu amo um mocinho sofrido e não é diferente com Iain. Sendo o 6º livro da série Guerreiros Sentinelas vemos a dificuldade e o anseio dos homens por uma parceira. Já ele, com a alma morta não precisava de uma, mas a encontrou e a amou intensamente. Cuidou dela e se tornou um lutador perfeitamente digno de uma mocinha, porque ele sempre foi.. =)

02. Orpheus – Enraptured
Demétrius meu amor não fique chateada comigo eu sei que te amo, mas caí de amores por Orpheus no 4º livro dessa série. Juro, foi sem querer, mas ele me surpreendeu tanto, tanto que acabei por amá-lo muito. Oh vontade de pegá-lo e grudar no meu coração *_*
 
01. Caelen McCabe – Never Love a Highlander
E terminando meu top com mais um livro sem resenha rsrs, desculpem... Apresento a vocês Caelen McCabe. Eu me apaixonei perdidamente por esse Highlander. Juro, juradinho.  Caí de amor por ele antes e junto com Riona a cada página do livro. Vemos o mocinho forte e decidido que ele é, além de intensamente apaixonado e justo. Uau... uau... Por isso esse ano meu mocinho de Kilt que veio da Escócia roubou meu coração e me levou para uma daquelas lindas fortalezas...

Agora, meu post tá pronto porque se eu continuar por aqui é capaz de fazer mais umas quantas modificações... Espero que tenham gostado, que se não conhece algum deles possam conhecer e que os que não foram lançados no Brasil cheguem o mais rapidamente possível!
Me apaixonei demais esse ano e espero continuar me apaixonando mais ainda ano que vem!!
Quem fizer esse top me comunique porque quero ver!
Beijos *_*

Como se Livrar de um Vampiro Apaixonado - Beth Fantaskey

Sinopse: Casar-se com um vampiro certamente não estava nos planos de Jessica Packwood para seu último ano escolar. Mas quando um novo aluno esquisitão (e muito gato) chamado Lucius Vladescu aparece do nada, dizendo que Jessica pertence à realeza vampírica e está prometida em casamento a ele, futuro líder do clã mais poderoso dos vampiros, ela é obrigada a rever seus conceitos. Se a garota ainda nem beijou na boca, como pode sequer pensar em um compromisso eterno? Armada com uma autoconfiança recém-adquirida, Jessica passa por uma transformação drástica de adolescente nerd americana para princesa vampira europeia nessa sátira cheia de reviravoltas e surpresas.
Link: Skoob / Goodreads 
Resenha e Comentários: Aaah esse livro *_*

Eu amo esse livro desde a primeira vez que o li, gosto do jeito dele ser sarcástico, romântico e engraçado e ter uma história sobrenatural
que encaixa perfeitamente na trama desenvolvida.

Jessica Packwood desejava ter uma vida normal e era o que ela tinha até... até um certo garoto chamado Lucius Vladescu interromper seu pequeno sonho brilhante e lhe revelar a verdade, uma que ela não quis acreditar, mas que pode aceitar ao longo da história...

Chegou o momento em que ela precisava saber a verdade sobre o contrato de casamento e os pais dela tentaram esconder esse fato dela. Ela sabia que seu antigo nome era Antanasia Dragomir, mas ela não tinha ideia de ser descendente de vampiros e é o que Lucius revela.

Jessica não se revela uma dama, taca qualquer coisa nele e saiu fugindo, correndo dele até descobrir que isso é verdade ou é o que estão tentando colocar na mente exata dela.

Só que Lucius não deixa nada fácil já que vai morar acima dos estábulos e frequentar a mesma turma que ela.

Aos poucos, mesmo se negando, Jéssica começa a se apaixonar, a aceitar Lucius ainda desconfiando e querendo continuar sendo a humana pacata de vida fácil que tinha. O que eu mais gosto no Lucius é que ele não desiste dela mesmo ela sendo uma rude fazendeira que não tem qualquer modos da realeza vampírica e ele tenha que lhe entregar um guia para que ela conhecesse o mundo do qual ela fazia parte.

Jéssica é muito teimosa durante quase o livro inteiro e é uma característica muito boa dela porque quando ela vê Lucius querer abandoná-la, ela luta com tudo o que pode e que talvez nem mesmo tenha para que ele a escolha. Ela com ciúmes é engraçado e fofo, mas tem um tempo que ele desiste porque descobriu as reais intenções de seu tio para ela e não é o que ele deseja.

Depois de conhecer a infância dele, de conhecê-lo mais Jéssica percebe que não é o legal que vai satisfaze-la durante um tempo porque ela necessitaria de mais e só uma pessoa poderia dar a ela e mesmo que ele continuasse se negando, ela tentaria faze-lo cumprir o acordo selado há anos...

E ela terá sorte? Lucius ainda a ama?

Só posso dizer que eu amo tanto esse livro, amo o jeito que eu sorrio com esses dois, suas trapalhadas, seus desencontros, sua esperança e o amor que vai surgindo dos dois depois de um tempo. A cena que mais me marca é a do vestido, quando ele a leva na loja e dela lembrando exatamente disso e é claro o finaal!!! *_*


Trechos do Livro

"Basta lembrar, meninas: um jovem vampiro do sexo masculino é um predador por natureza. Alguns garotos podem olhar para você, não apenas como um interesse romântico, mas como presa ... "

***
 "A coisa mais bela que podemos experimentar é o mistério."  

***
"Por um minuto, eu fiquei ali, me admirando. Eu encontrei os olhos de Lucius no
espelho. Naquele mero segundo, eu quase consegui nos imaginar... juntos. "

Meme #4: Seis livros para ler nas férias

sábado, 28 de dezembro de 2013

Oi gente. Primeiro eu peço desculpas pelo sumiço que eu dei. mas tenho uma explicação... Tava vendo novela!! Depois eu conto mais porque agora vou indicar para vocês Seis livros para ler nas férias que já estão começando!
Ganhei essa tag da fofa da Letícia do blog Apaixonadas por livros, minha parceira aqui do blog.
Vou indicar alguns YA... 
Eu indicaria vários, mas como são só seis... aqui vão eles!
 1. Crepúsculo - Stephenie Meyer:
Porque é um dos meus livros favoritos e eu sempre vou amar essa saga. 
Acho que conhecer Edward Cullen e viajar para Forks pode ser uma bela aventura... Conhecer essa história de amor e, por que não, se apaixonar?
De uma chance e visite a cidade gelada que conquistou muitos corações e pessoas...
 

 2.Terrível Encanto - Melissa Marr
Por ter sido uma grande surpresa e eu ter me encantado e adorado o livro. Eu fiquei com um pé atrás quando descobri sobre os élfos, mas voce acaba conquistada pelos élfos, pelo Kennan, Rei do Verão, pelo Seth amigo humano de Aislinn e essa intensa descoberta e aventura...


 3. A fera - Alex Flinn
Esse livro é muito, muito bom! Vale muito a pena lê-lo e por que não se perder um pouquinho nessa releitura de Bela e a Fera...
Escrito pela visão de Kyle, o garoto egoísta que aprende diversas lições durante o livro... além de encontrar uma paixão...



 4. A Seleção - Kiera Cass
Ah... quem não gostaria de ser uma princesa, ou talvez morar em um castelo? E quando não se deseja isso e isso acontece? Esse livro é rápido, mas a história dele é muito boa... Apaixone-se por Maxon e descubra Illéa e seus problemas, já que não é apenas uma brincadeira A Seleção e sim, uma escolha da esposa do príncipe...


5. Sangue e Chocolate - Annete Curtis Klause
Eu li esse livro há muito tempo e já vi o filme, o que não recomendo pois mudaram muitas coisas. Se apaixone por esses lobos, por essa indecisa loba e tudo o que pode acontecer com suas escolhas.
Um livro maravilhoso e intenso que vale muito a pena ler =)
Quero esse livro na minha estante!!

 
6. Como se livrar de um vampiro apaixonado - Beth Fantaskey
Estou terminando a resenha dele e o indico porque o Lucius é um vampiro incrível e essa história além de ser engraçada é muito cativante.
Amo muito esse livro e só de olhar sua capa dá vontade de voltar e ler suas histórias... =)
Mais vampiros?! Ah... com certeza!!

Espero que tenham gostado das minhas indicações e se lerem, me digam se gostaram ou não!
Grandes beijos e quem quiser fazer, esteja a vontade!!

Pausa - Colleen Hoover

Continuando o meu desespero depois de terminar de ler Métrica, corri quase que direto para a Fnac e comprei o 2º! Valeu cada centavo =)
Sinopse: Destinados um ao outro, Layken e Will superaram os obstáculos que ameaçavam seu amor. Mas estão prestes a aprender, no entanto, que aquilo que os uniu pode se transformar, justamente, na razão de sua separação. O amor pode não ser o bastante. Depois de testado por tragédias, proibições e desencontros, o relacionamento de Layken e Will enfrenta novos desafios. Talvez a poesida desse casal acabe num verão solitário... Sem direito a rimas ou ritmo. A ex-namorada de Will retorna arrependida de ter deixado o rapaz. E está disposta a tudo para reconquistá-lo. Insegura, Layken começa a ler novas reações no comportamento do rapaz. E na insistência para adiar a "primeira vez" de ambos. Presos em uma ironia cruel do destino, eles precisam descobrir se o que sentem é verdadeiro ou fruto da extraordinária situação que os uniu. Será que é amor? Ou apenas compaixão? Layken passa a questionar a base de seu relacionamento com Will. E ele precisa provar seu amor para uma garota que parece não conseguir parar de "esculpir abóboras". Mas quando tudo parece resolvido, o casal se depara com um desafio ainda maior - e que talvez mude não só suas vidas, mas também as vidas de todos que dependem deles.
Link: Skoob / Goodreads
Resenha e Comentários: Um pouco depois dos acontecimentos narrados em Métrica, conhecemos Pausa, o livro narrado por Will Cooper. Quem me acompanha no Skoob viu que gostei muito de ter lido na perspectiva do Will e não foi tão diferente ir pelos pensamentos dele.

A mãe de Lake já faleceu e ele continua a entregar os presentes que ela havia deixado para que ele entregasse após sua morte. O último presente foi um jarro cheio de estrelinhas com mensagens, frases, pensamentos e até mesmo citações para quando eles precisassem de algum conselho ou achassem precisar dela encontrariam ali um meio de se lembrar.

Lake também está indo cursar a universidade indecisa quanto que carreira seguir, eles tem aulas em dias contrários e mesmo que isso seja ruim pelo menos não conseguirão deixar Caulder e Kel sozinhos.

Acontece que em uma segunda-feira Will encontra alguém muito conhecido em sua turma, sua ex-namorada Vaugh e prefere não dizer nada para Lake durante algum tempo.

Depois de semanas contando e planejando o momento para o não recuar, na noite em que iam para um hotel ela encontra Will e Vaugh e eles se separam.

Vaugh acaba colocando umas meias minhocas na cabeça de Lake como se Will estivesse com ela pelas circunstancias e que talvez ela ainda fosse melhor para ele que ela. Lake fica abatidíssima e se afasta dele.

Pelo jeito que conto parece que foi a Lake quem narrou o livro, mas o Will passa tanto tempo preocupado com a Lake, com eles dois, com como consertar as coisas que chega a ser lindo e exasperante.

As competições de Slam também voltam a acontecer nesse livro e são tão boas, tão boas quanto no primeiro livro. Kel e Caulder continuam sendo os irmãos fofos, obedientes, travessos e amigos.

Complicações com Eddie e Gavin com uma pequena descoberta que os deixa ansiosos e sem saber o que fazer.

Novos vizinhos, um antigo melhor amigo voltando para a cidade e morando na casa de Will. Ele bebendo e aprontando algumas...

Kiersten, a pequena menina de 11 anos que ensina cada lição e sua mãe Sherry que consegue ser intrometida e engraçada, mas uma conselheira e amiga de ambos. E senti falta de Abby, a outra garotinha amiga dos meninos. Ela só aparece em uma cena do livro e é lembrada também, mas não foi presente como a Kiersten a pequena vegetariana divertida, cheia de conselhos e alguns palavrões...

Outra coisa legal do livro é a hora do chato e legal, achei divertido e é interessante para compartilhar também =)

Depois de uma reconciliação no clube N9NE, um acontecimento para abalar qualquer leitor. Eu não irei contar o que acontece que me deixou P**** da vida, chorando a madrugada porque eu queria terminar de ler e tinha que ir dormir porque eu tinha de acordar cedo para ir trabalhar... além do susto que levei com esse acontecimento, mas não se distanciem por isso.

Há um grande crescimento e conseguimos tirar belos sorrisos desse livro, boas lágrimas e uma grande emoção... que é para querer sair correndo atrás do 3º!! (que por acaso ainda não foi lançado!!)

Só tenho a dizer que Will é lindo tanto da perspectiva de Layken quanto da dele própria. As aberturas com as entradas do diário são muito legais e tem umas muito bonitas.Um garoto apaixonado, romântico, interessado e acha que tudo o que Lake veste, usa ou faz é sempre linda. 

Trechos do Livro

"Se ignorasse minha cabeça e obedecesse somente ao coração, eu me casaria com ela hoje." pg. 58

***
" Eu não teria me expressado tão bem nem se tivesse lido em um guia de paternidade." pg. 61

***
"- Cara, como ela é briguenta. E gatinha - diz ele.
- E minha - respondo." pg. 141

Protesto Literário

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

Oi novamente... =) Esse post é por uma boa causa já que mesmo sendo uma blogueira no meio do caminho ainda, poucos seguidores, poucos comentários, não tenho parceria com autores nem editoras, mas isso não justifica nada porque faço minhas postagens, amo o meu blog, compro meus livros e adoro postar... Esse é um protesto que voce vai encontrar em alguns blogs porque precisamos ser unidos e ajudar uns aos outros e como uma situação chata aconteceu com uma blogueira amiga, resolveu-se que nada melhor do que falar aquilo que estava incomodando e que não estava sendo muito legal... =/ Não vou escrever mais porque o post será enorme sem minha intromissão...
Olá, pessoal, tudo bem?/

Hoje vamos falar de uma coisa bem chata que anda circulando aqui pela blogosfera. Leiam o post até o final e com muita atenção:

Significado de Parceria:
Na sua definição mais geral, parceria é uma associação de entidades (duas ou mais) para desenvolverem ação conjunta com vista a atingirem um objetivo determinado.

O blog Segunda Face e mais um grupo de blogueiros nos unimos para compartilharmos a nossa visão do que é uma parceria. Por isso criamos este post, em respeito às editoras, aos autores e, principalmente, a nós mesmos. Não queremos brigas ou troca de ofensas, apenas respeito. Respeitamos o trabalho do autor, que passou muito tempo sonhando com o seu livro: meses e anos escrevendo e mais outros meses aguardando a publicação. Respeitamos as editoras que fazem um trabalho bonito realizando o sonho do autor. Sabemos que nada disso sai barato e por isso respeitamos. Mas e quanto a nós?! 

Além de admirar o trabalho dos autores e nutrir paixão pelos livros, temos vida social. Trabalhamos, estudamos, somos mães, pais, namorados (as), esposas, donas de casa e etc, e, mesmo com isso tudo, tiramos um tempinho para ler e escrever (em um espaço que é nosso) sobre o trabalho de alguém. 

No início é difícil, gastamos sim com os nossos nacionais, estrangeiros e pedimos, humildemente, parceria. Às vezes o livro é tão bem falado e a grana tá curta que se for cortesia é melhor ainda. 

Vocês sabem o que significa uma cortesia para um blogueiro apaixonado por livros?! Não significa favor ou caridade, significa que estamos sendo valorizados e respeitam a nossa opinião... (Caramba, eles querem a nossa opinião)!!! Talvez vocês não saibam, mas temos cuidado ao escrever uma crítica (que SEMPRE queremos que seja construtiva) justamente para não magoar, mas também não mentiremos. Soube recentemente que propagandas em geral custam caro... Nós fazemos por amor! Não pensem que nos vendemos por um exemplar, não é isso! Nós fazemos uma troca, dou meu tempo e minha opinião aos meus amigos e em troca você me dá um exemplar... Simples assim!! 

Em toda profissão existe bons e maus profissionais, na blogosfera não seria diferente. Não queremos "puxa saquismo", só queremos o que é nosso de direito: RESPEITO. Por isso, nós nos reunimos viemos desabafar. 

Aos autores, por favor, não generalizem o grupo. Às editoras, verifiquem se os blogs parceiros são atualizados e ainda estão ativos. Respeitem-nos que respeitemos vocês. 

Por que nosso trabalho não é valorizado??? Seria porque não cobramos pelo serviço? Vamos repensar as atitudes... Agradecemos de coração e desejamos o maior sucesso a todas as partes!

SOMOS BLOGUEIROS, SOMOS PARCEIROS E QUEREMOS RESPEITO!!


“... Em minha opinião nós blogueiros temos que nos tornar editoras. Mas digo: Editoras exigentes e que fecham o cerco de uma forma bem grande. Assim como nós recebemos um NÃO de cada uma delas, chegou a hora de darmos o nosso NÃO para nos valorizarmos. Porque pelo pouco que sei, aqui no grupo todos os blogs que aqui fazem parte, são blogs grandes e blogs muito bons que tem conquistado o seu pequeno espaço a cada dia ao lado das editoras. Aqui no grupo, hoje se formos olhar, aqueles blogs que sempre levaram NÃO de uma editora, hoje estão levando um SIM.” – Kelly Muniz, do blog Livros e Marshimallows (em relação ao crescimento dos pequenos blogs).

“Então pessoal... agora chegou a nossa vez de agir. Com educação, profissionalismo. A forma em  que fomos generalizados nos machucou. Tanto é que estamos remoendo esta história até hoje. E se não temos mais dinheiro pra comprar livros, vamos pegar emprestado, vamos fazer qualquer coisa.” – Kelly Muniz.

“É muito triste quando começam a te "criminalizar" por causa de uns poucos que não sabem a hora de parar, não sabem ser seletivos, ou por causa de uns irresponsáveis como o que fez aquela maldade com a Eleonor. Se já me sentia humilhada antes ao pedir parceria com autores nacionais, agora vou me sentir mais ainda, sendo passível de um julgamento tão esdrúxulo quanto aos que eu tenho visto de alguns deles. Não quero mandar um e-mail para uma pessoa a fim de divulgar o trabalho dela e ser respondida como uma aproveitadora, que só quer se aproveitar de sua obra de arte perfeita e imaculada.” – Sarah Marques, do blog Endless Poem

“Se você concorda em ser parceiro de todos os blogueiros que te procuram sem ter um critério para esta parceria não pode reclamar depois. Agora vir dizer que todos os blogueiros só desejam receber livros gratuitos e que os livros de autores estrangeiros compram sem reclamar chega a ser uma ofensa... Parceria é uma via de mão dupla. Os dois lados devem ficar satisfeitos com os resultados e devem sim receber por isto. Afinal nem mesmo o relógio funciona de graça. Você precisa lhe dar corda (os antigos) ou lhe fornecer uma pilha ou uma bateria.” – Khrys Anjos, do blog Minha Montanha Russa de Emoções (em relação a parcerias).

“Acha que estão me fazendo favor mandando livro? Não não! Quer que eu faça propaganda, me paga, mas se for de graça é do meu jeito! Ninguém compra minha personalidade, nem livros muito bons!! Sou muito direta, tranquila e transparente, então vamos deixar as coisas às claras: O blog é MEU, EU leio, EU resenho, EU escrevo da MINHA forma. Sei que não sou crítica literária, mas a partir do momento em que me dão um exemplar para resenhar, eu tenho o direito!” – Priscila Domingues, do blog Sou Eu, Pri (sobre alguns autores mandarem retirar conteúdo negativo sobre o livro).

“Hoje é muito complicado você descobrir se um blogueiro é confiável ou não antes de enviar um livro. Infelizmente, com o aumento desses casos lamentáveis e ridículos, os blogueiros que realmente fazem um trabalho legal, vão acabar pagando o pato. Isso não significa que é o fim do mundo, que você vai ter que excluir o se blog etc. Continua fazendo seu trabalho, seguindo com seu blog...” – Elton Max, do blog O Elton Max (sobre o “parceiro” que vendeu seu exemplar cortesia no Mercado Livre).



“... Em todos os setores vemos meios de agir deturpados. E não seria correto condenar todas as profissões devido a isso. Já vimos autor sumir, não cumprir com acordos, parar de responder. Já vimos editoras faltarem totalmente com o acordo feito também. Vemos falta de conduta profissional em diversos setores de atendimento público. E vimos o problema que envergonha aqueles que trabalham direito, na blogosfera: blogueiros que comentem as mais variadas violações, as mais variadas faltas contra os outros profissionais. Onde está a culpa? Na alienação? Na falta de educação? De maturidade? De caráter? Ainda estamos buscando... Porém, o que não podemos esquecer é que cada caso é um caso...” – Vivian Pitança, do blog Reflexão Literária

"Nunca exigi livro de graça para ninguém. Sei o quanto os autores nacionais batalharam para conseguir a sua publicação. Gasta-se dinheiro, é um processo bem burocrático. Só peço parceria com aqueles que eu quero ler os livros e não me importo em pagar pelo exemplar. Mas assim, não me venha dar faniquito dizendo que todo o blogueiro não presta porque isso é mentira. E quando a gente faz a resenha, manda para o autor e o mesmo nem se incomoda em compartilhar o link? E quando a gente perde pelo menos uma hora escrevendo uma resenha pra vir o autor e reclamar que demos cinco estrelas, mas reclamamos do tamanho da fonte? Disso ninguém fala. Então não generalize para que a gente também não generalize autores e editoras. Cada um é cada um. Tem muito blogueiro sério por ai e, uma dica, nem todos eles tem blogs de quatro anos de existência, 20 mil seguidores, postagem diárias e mil e uma colunistas." - Raquel Araujo, do blog Por Uma Boa Leitura

6 on 6 #2: Dezembro - Cores de Natal

Oi pessoas, como estão todos??
Aqui vamos nós com o projeto 6on 6 de Dezembro... Entrando em clima de natal resolvemos fazer esse mês um projeto pra lá de especial de fim de ano... Cores de Natal... E tem coisa mais linda que você entrar em um lugar e ver tudo enfeitado?? Eu adoro ir para Shoppings esse período do ano para ver as decorações... Essas fotos são um pouco mais antigas que esse ano ainda não fui tirar nenhuma no shopping, mas selecionei algumas das minhas favoritas... espero que gostem!

Adoro essa foto! Acho tão lindo porque é simples, mas é incrível olhar para cima no Shopping e dar de cara com essa decoração...

Amo presépios... Se tem algo que não pode faltar na decoração de um shopping para mim são os presépios porque afinal é por essa celebração que comemoramos o Natal... O nascimento do menino Jesus! Essa foto é de uns 4 anos atrás, mas é linda... Foi tirada no Taguatinga Shopping quando fui ver Lua Nova... =)


Esse presépio é do ano passado do Park Shopping, o desse ano tá muito mais lindo e depois eu posto para vocês, mas eu adorei esse ano passado... =)

Essa árvore de Natal foi a decoração do Alameda Shopping também a 4 anos atrás... Eu adorei essa árvore cheia de ursos de pelúcia porque não tem como a gente imaginar o Natal sem lembrar daqueles filmes ou até mesmo da propaganda da Coca-Cola com os ursos como também do filme lindo Expresso Polar, quem não viu... Veja!!
Eu amo esses enfeites!! São lindos... =)
E quem não gosta de presentes??!! Vocês tinham que ver essa árvore cheia de soldadinhos de chumbo, um rato enorme que se mexia... incrível, incrível... mas como sempre imaginamos receber presentes e de vê-los debaixo da árvore de Natal para que possa ser aberto... sem falar que essas caixas estão lindas *_*

Ps: Sei que acho que exagerei nessa postagem com o tanto de lindo, incrível e adoro, mas é verdade... rsrs eu realmente gosto demais de decoração de natal... o lugar fica mais iluminado.. bonito e adorável... háháhá
Espero que tenham gostado do post como eu de procurar fotos legais para que vocês vissem...

Quer mais??? Acompanhe também os outros participantes!!

Estante de Cristal - Encantos Paralelos - La Vie d' Lee - Bibliotecária Escandalosa - Own Mine

Beeijos ^^

Meme: Li até a pág. 100 #5: Como se livrar de um vampiro apaixonado - Beth Fantaskey

terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Oiee... Vamos brincar um pouquinho??
quer fazer esse meme também, leia no link: 
http://www.euleioeuconto.com/p/li-ate-a-pagina-100-e.html#ixzz2e2I3dsmH
 
Primeira frase da página 100:  A voz veio de alguém atrás de nós dois.
Do que se trata o livro?  Sem saber da verdade, Jessica recebe a visita de um estranho visitante que se diz um vampiro e que é seu noivo. Assim, ele tenta fazer a corte a ela que não acredita nele.
O que está achando até agora? Adorando... já tinha lido ele antes de ser lançado no Brasil, e agora posso voltar a ler a história deles dois. Lucius tem um humor engraçado, imponente e determinado.

O que está achando da personagem principal? Jéssica, ou Antanásia é uma personagem pra lá de interessante. Primeiro vemos o distanciamento dela, a recusa em aceitar o que Lucius diz e depois começamos a entender seus avanços e questionamentos já que uma garota cética descobrir coisas sobrenaturais não é tão fácil.

Melhor quote até agora: - seria mesmo tão repugnante, Antanasia, ficar comigo? pg. 31
Vai continuar lendo? Claaro... já estou no finalzinho!!

Última frase da página: Criada no chicote. Pensei na confissão de Lucius sobre levar surras dos tios.

Métrica - Colleen Hoover

domingo, 1 de dezembro de 2013



E ainda na onda dos New Adult, eis que me deparo com:
Sinopse: O romance de estreia de Colleen Hoover, autora que viria a figurar na lista de best sellers do New York Times, apresenta uma família devastada por uma morte repentina. Após a perda inesperada do pai, Layken, de 18 anos, é obrigada a ser o suporte tanto da mãe quanto do irmão mais novo. Por fora, ela parece resiliente e tenaz; por dentro, entretanto, está perdendo as esperanças. Um rapaz transforma tudo isso: o vizinho de 21 anos, que se identifica com a realidade de Layken e parece entendê-la como ninguém. A atração entre os dois é inevitável, mas talvez o destino não esteja pronto para aceitar esse amor.
Link: Skoob / Goodreads
Resenha e Comentários: Só para saberem  estou escrevendo isso as 07:29 de domingo e eu passei a madrugada terminando de ler o livro porque eu precisava saber o que ia acontecer em seguida...
Lembram do livro que troquei Easy, eis aqui ele!!
E para começar eu preciso falar que o livro me surpreendeu. Primeiro com seu nome já que lembro de no EM o professor falar que métrica é quando contamos as palavras para que elas possuam rima e ritmo de poesia e também lembra a fita métrica, mas tudo no final indica uma coisa: medida.
Eu não sou lá muiito fã de poesia, muitas vezes eu não entendo e fico um pouco perdida já que precisamos pensar para ver se entendemos o que está escrito nas entrelinhas, em vez da prosa que é o texto corrido, falado, mas que para mim é mais fácil de entender.
Layken é uma garota que está se mudando para o Michigan depois da morte de seu pai, eles estão enfrentando problemas no Texas e sua mãe achou melhor irem para lá. Ela não está muito feliz em se mudar, mas aceita normalmente.
Chegando lá ela conhece Will, seu vizinho de porta e seu irmão pequeno Caulder que logo se identifica com Kel.
Sua mãe agora tem um novo emprego, ela uma nova escola e um encontro com o vizinho em um lugar que ele diz que é para que conheça ele. Nos deparamos com um clube norturno em uma quinta-feira a noite. Lá ocorre competições de Slam, em que as pessoas escrevem poemas e declamam eles, mas transmitindo toda a emoção e não apenas uma releitura.
Acontece que... na escola ela tem uma surpresa... desagradável com relação a Will, coisa que eu não vou contar porque é spoiler, então leia e descubra... e eles precisam ficar separados e muitas vezes se ignorarem.
Ela conhece uma garota super fofa, Eddie que é daquelas bem entronas, mas que tem um grande coração e tenho certeza de quem ler vai amá-la como eu... e afinal ela merece também.
Durante a leitura do texto, desculpem-me a comparação, mas achei algumas coisas parecidas com Crepúsculo, ou eu sou pra lá de apaixonada por essa saga ou não sei, mas teve horas que eu realmente notei algumas semelhanças e talvez possa ser pela narrativa já que é em 1ª pessoa do singular, e é com ela e todas as suas emoções de Layken que somos bombardeadas a cada nova página.
Eu achei a Lake muiito chorona... kkkkkk, mas eu gostei do livro...
Amei as competições de Slam, os poemas, as expressões, o professor... Acredito que aprendi umas quantas coisas com esse livro e em como ele mostra outras possibilidades. também sorri muito com algumas coisas e suspirei um pouco muito pelo Will Cooper. E só tenho mais uma coisa a dizer: viver em cabeça de adolescente não é fácil, faça isso lendo um New Adult...
Ah... morrendo de ansiedade por Pausa!!

Trechos do livro

“ Quando estava crescendo, minha mãe me deu conselhos muito bons. Ela sempre sabia o que eu queria ouvir, mas sempre dizia o que eu precisava ouvir.” Pg.39

“-ele a trata com respeito o tempo inteiro? Essa é a primeira pergunta. A segunda é: se, daqui a vinte anos, ele fosse exatamente a mesma pessoa que é hoje, você ainda assim se casaria com ele? E, finalmente, ele faz com que você queira ser uma pessoa melhor? Se conseguir responder “sim” as três em relação a uma pessoa, então encontrou um homem diferente.” Pg. 40

“- é poesia. – ele sorri para mim. – é disso que eu gosto.
Será que ele está falando sério? Um cara que é gato, me faz rir e adora poesia? Acho que estou precisando de um beliscão. Ou não... Vai ver é melhor não acordar.” pg47

"- não foi a morte que deu um murro em você, Layken. Foi a vida. A vida acontece. Merda acontece. Acontece muito. Com muita gente." pg 200

O que as pessoas pensam de suas palavras não deve importar. Quando você está no palco, você compartilha um pedaço de sua alma. Não dá para pontuar isso.” Pg. 207

Feita de Fumaça e Osso - Laini Taylor

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Li o livro que ganhei no A.S.*_*

Sinopse: Pelos quatro cantos da Terra, marcas de mãos negras aparecem nas portas das casas, gravadas a fogo por seres alados que surgem de uma fenda no céu.Em uma loja sombria e empoeirada, o estoque de dentes de um demônio está perigosamente baixo. E, nas tumultuadas ruas de Praga, uma jovem estudante de arte está prestes a se envolver em uma guerra de outro mundo.O nome dela é Karou. Seus cadernos de desenho são repletos de monstros que podem ou não ser reais; ela desaparece e ressurge do nada, despachada em enigmáticas missões; fala diversas línguas, nem todas humanas, e seu cabelo azul nasce exatamente dessa cor. Quem ela é de verdade? A pergunta a persegue, e o caminho até a resposta começa no olhar abrasador de um completo estranho. Um romance moderno e arrebatador, em que batalhas épicas e um amor proibido unem-se na esperança de um mundo refeito
Link: Skoob / Goodreads
Resenha e Comentários: O tão aguardado livro do AS chegou e depois de deixar ele largadinho por um tempo, resolvi lê-lo logo já que eu o queria mesmo há algum tempo.
Karou estuda em uma escola de Artes em Praga, tem uma melhor amiga chamada Zuzana, um ex-namorado Kaz e uma loonga história de amor, amizade e muita loucura.
Por que loucura? Karou foi criada por Brimstone desde pequena e não sabe quem é. De onde veio ou quem são seus pais e sua história. Ela tem um tão sonhado cabelo azul, é desenhista e retrata as pessoas do seu dia-a-dia fingindo para os outros que eles são invenção de sua cabeça. 
Ela se sente muito sozinha e sempre acha que precisa de algo que a preencha verdadeiramente, como se um pedaço dela estivesse faltando.
Karou trabalha para Brimstone, que tem uma loja de desejos. E o que ela faz? Vai em busca de dentes. Sim, dentes. mas que tipo de dentes? humanos desde que estejam bons e de animais. Para que? ela não sabe e eu também não vou contar... :p
Quando ela vai buscar dentes de leite em Marrakech ela nota que as portas que ela passa para ir aos outros lugares estão marcadas com uma mão negra. Ela não sabe por que, mas quando ela ve alguém se aproximar e o terror que isso gera na cidade porque os sussurros são que anjos estão na terra. 
Karou é ataca e é aí que conhecemos Akiva.... Aaaaah Akiva *_*
Ele tenta matar Karou, mas não consegue e depois começa a tentar encontrá-la porque a acha muito semelhante a alguém que ele conheceu, alguém chamado Madrigal.
Sinceramente, não vou colocar mais nada só que acontece algo com os portais, Karou quer ir para o Outro lado ajudar seus amigos e Akiva consegue preencher algo dentro dela... E... descobrimos a verdade sobre ela... o que eu já imaginava... kkkk... ando tão mal com esses livros =)
O livro foi por um rumo que eu não imaginava, que era mostrar mais do relacionamento de Madrigal e Akiva. Além de saber como era um pouco o Eretz, que era onde eles moravam. É bem interessante, mas não gostei muito... kkkkk
Achei que ia ser diferente... não que foi péssimo, só foi diferente... =/
Gostei muiito da amiga dela Zuzana, a amizade delas é super fofa... 
Agora o livro terminou de uma forma que ou você le o outro ou não vai saber o que aconteceu, afinal... 
Aah... mas o livro é muito bom e compensa muiito ler sim viu...=) é só que quando a gente espera uma coisa e outra acontece... 
Ps.: Tava tão empolgada que acabei nem marcando trechos... se eu encontrar o que eu quero coloco aqui =)






Design e código feitos por Julie Duarte. A cópia total ou parcial são proibidas, assim como retirar os créditos.
Gostou desse layout? Então visite o blog Julie de batom e escolha o seu!