Assisti no fim de semana: Conan, o Bárbaro

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Sinopse: Conan, ainda jovem, vê sua aldeia ser aniquilada por um demoníaco feiticeiro chamado Khalar Zym e seu pai ser assassinado na sua frente. O jovem Conan cresce, tornando-se um guerreiro obcecado pelo desejo de vingança.

Link: Filmow 

Comentários: Sinceramente, apesar de todos os comentários falando mal sobre o filme eu gostei. Acho que eu estava meio sanguinária ontem... =D
Vão ver porque na próxima postagem =)
Eu já comecei a ver esse filme uma outra vez, mas fiquei assustada no início e parei, ontem sem aula, sozinha em casa, resolvi dar uma adiantadinha nos meus filmes parados e Conan está lá há um bom tempo.
Por que eu baixei? Eu queria ter visto nos cinemas, mas não consegui ir...
Agora, vamos ao filme!
Conan é um garoto esperto, que perdeu a mãe quando nasceu em um ataque a sua tribo. Primeiro tem toda uma história de uma máscara construida com ossos antigos que dão poder a quem usá-la, eles conseguem destrui-la e cada pedaço é escondido em um canto do mundo. Acontece que Khalar consegue encontrar esses pedaços e o último está na tribo do Conan. Ainda garoto, ele consegue matar três homens sem quebrar o ovo que tinha dentro da boca, era um treinamento da tribo dele que eles precisavam sair e voltar com o ovo inteiro... caraca, foi o que eu disse.
Nesse ataque a tribo, o Khalar encontra o último pedaço e deseja trazer de novo sua esposa bruxa no corpo de uma sangue puro. Ah... Conan vê o pai morrer na sua frente e jura matar quem o fez.
Nesse tempo de procura da sangue puro para colocar na máscara... vemos Conan se tornar um bárbaro que assalta, rouba e luta...
E lógico se tornando o guerreiro que ele é.
O filme tem muita agilidade entre as cenas e nas lutas, acho que minhas leituras de Highlanders me influenciaram porque gostei muito do jeito em que a espada e ele conseguem fazer uma grande cena.
Acontece que Khalar resolve atacar o monastério que é onde a sangue puro Tamara está escondida e o mestre dela a faz escapar. Nesse meio tempo vemos uma mulher que parecendo não saber lutar, usa punhais, mãos e dentes para escapar e não ser capturada.
Gosto do jeito dele ser brusco com ela e dela não se fazer de rogada e falar na lata mesmo. Personagens fortes, enredo interessante... filme bom!
Para quem gosta de aventuras, lutas, sangue de mentirinha voando, um grande bárbaro lutando... Conan, o Bárbaro é um prato cheio!!



5 comentários:

  1. Eu me arrependi de te-lo visto no cinema E em 3D, que eu achei que não valia tanto. Mas, ao todo eu achei um filme legalzim e fora que tive a oportunidade de conhecer o Jason Momoa, ator lindo que é meu atual marido literário. :p

    Bjs!

    http://rocknbooks.wordpress.com/2013/06/12/tag-meu-marido-literario/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha sóo... =) eu também fiz essa tag e coloquei muiitos...
      Ele é lindo*_*
      beeijos

      Excluir
  2. Nunca assisti esse filme *O*
    Fiquei com vontade :D

    Beijinhos

    Paula,

    http://psicosedaleitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Ouvi falar pouco sobre esse filme, mas esse nome é chamativo, então sempre tive uma certa curiosidade, mas nunca procurei a respeito... hahaha gostei do post, eu realmente não sabia nada sobre a história, e apesar dos comentários negativos (ah, eu sempre gosto dos filmes que ninguém gosta ._.) eu fiquei com muita vontade de ver! HAHAHA
    Ah, está rolando uma super promoção no meu blog, vem participar!

    Obrigada pelo carinho. Beijos :*
    Claris - Plasticodelic

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela visita!
      Vou lá participar =)
      beeijos

      Excluir







Design e código feitos por Julie Duarte. A cópia total ou parcial são proibidas, assim como retirar os créditos.
Gostou desse layout? Então visite o blog Julie de batom e escolha o seu!